quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

BIOPLASTIA PENIANA

A Bioplastia Peniana tem como função engrossar o pênis que acontece já na hora da aplicação. Este método não é cirúrgico e pode preencher as camadas da pele mais profundas permitindo que o pênis tenha seu perímetro aumentado. O líquido é injetado através de pequenas cânulas e a quantidade é previamente estipulada por uma avaliação médica. Dependendo do pênis, é possível aumentar até 5 cm na sua circunferência.


Bioplastia Peniana (Engrossamento Peniano)
Ilustração do resultado esperado

O Aumento do Engrossamento Peniano ou Bioplastia Peniana é um procedimento que traz muita satisfação para o homem, pois um pênis mais grosso leva a um maior preenchimento e atrito com o corpo da parceira, além da ativação dos receptores sensoriais que se encontram ao redor do canal vaginal.

O procedimento envolve anestesia local, dura cerca de 30 minutos. O tempo de recuperação é de 36 horas, mas o paciente pode voltar as suas atividades normais no mesmo dia. Na Bioplastia Peniana o produto escolhido é aplicado entre o músculo e a pele não é absorvido pelo organismo, por isso não necessita de novas aplicações e não causa problemas como perda de sensibilidade ou de ereção. O resultado já fica em evidência no dia da aplicação, podendo ocorrer um aumento maior do pênis nas próximas três semanas seguintes.

Neste método o resultado é percebido na hora da aplicação. Estudos feitos dizem que o produto não é cancerígeno visto que já vem sendo utilizado há um longo tempo na medicina curativa e na medicina estética. O líquido usado para injetar na bioplastia tem o controle da ANVISA - Agência de Vigilância Sanitária.

O importante a ser ressaltado antes da realização do procedimento é a questão da alergia ao produto, identificada com realização de teste no momento da consulta e a presença ou não do prepúcio (pele que encobre a glande). O homem que possui a fimose deve realizar um procedimento chamado postectomia para sua retirada no caso da bioplastia peniana.

Junto com a Bioplastia Peniana podem ser utilizadas outras técnicas que podem aumentar o pênis também no comprimento (Faloplastia) e Bioplastia da Glande, assim satisfazer a correção necessária atendendo a expectativa do paciente.


terça-feira, 28 de dezembro de 2010

VARICOCELES

Cerca de 10% da população masculina é portadora da varicocele, doença cuja principal característica acontece com a dilatação das veias que drenam o sangue da região dos testículos. Ela provoca ainda o acúmulo de substâncias nocivas ao órgão e o aumento da temperatura local, levando a uma diminuição na produção de espermatozoides.



De acordo com urologistas, a maioria dos homens convive com a varicocele sem problemas, e apenas 15% podem ter a fertilidade comprometida. A falta de hábito dos homens em realizar consultas periódicas dificultam em muito a descoberta do problema. Fato que muitas vezes só é detectado quando o casal pretende ter filhos e a mulher não consegue.


Principais causas da doença

A varicocele é uma doença genética e se dá através da falência ou deficiência das válvulas existentes na veia testicular. Estando em perfeito funcionamento, o sangue passa pelas válvulas e elas se fecham para que o líquido não retorne. O que provoca a má drenagem do sangue é a deficiência, pois o acúmulo nos testículos força de maneira acentuada as veias, provocando a dilatação.

Quando se é portador da varicocele, o líquido geralmente não tem uma boa circulação, provocando dilatação nos vasos e a conseqüência é o acúmulo de substâncias nocivas nos testículos, bem como o aumento de sua temperatura, provocando a diminuição da produção de espermatozóides. Essa diminuição vai afetar diretamente a fertilização dos óvulos.

Alguns especialistas em urologia fazem ainda um alerta aos homens viciados na prática da musculação. Esta atividade pode algumas vezes, ajudar no aparecimento do problema de varicocele. Isto porque a grande maioria dos adeptos da musculação, normalmente ansiosos em modelar e remodelar o corpo de forma mais rápida tende a abusar dos pesos usados durante esta prática. Se uma pessoa possui uma estrutura física não muito avantajada, normalmente usa durante os exercícios pesos acima do que o próprio corpo suporta. Com isso, o esforço do próprio corpo é maior do que na realidade ele suporta, gerando assim uma carga extra de peso, o que pode facilitar o aparecimento da varicocele.


Sintomas mais freqüentes

A primeira manifestação da varicocele é a dilatação das veias, especialmente do testículo esquerdo, bem como a diminuição do testículo atingido, pois ela atrofia os tubos seminíferos, tornando o testículo doente menor e mais mole. Podem ocorrer também dores no órgão afetado e até mesmo as alterações estéticas na região escrotal, como os famosos inchaços, deixando às vezes, um lado do escroto maior do que o outro.

As manifestações da doença ocorrem na adolescência e apesar de não regredir, pode-se estabilizar ou aumentar. A descoberta da varicocele, às vezes só acontece quando o homem não consegue engravidar a sua parceira.

Os exames para detectar a doença são feitos através de apalpação do cordão espermático ou da ultra-sonografia testicular, onde se documenta a dilatação das veias. Quanto ao problema da fertilidade antes e depois do tratamento, faz-se o espermograma, que se confirmada a doença , será utilizado os procedimentos cirúrgicos.

Com a cirurgia, a veia testicular será interrompida, forçando a drenagem do sangue para outras veias da região pélvica. A partir desses procedimentos, a circulação será normalizada e o órgão voltará a produzir espermatozóides.

A indicação clássica de cirurgia para correção da varicocele se faz quando um paciente está com dificuldades de engravidar a sua parceira que pode ser corrigida cirurgicamente, melhora com muita freqüência a qualidade do espermograma. Porém, os urologistas, não podem dar garantia que a gravidez possa acontecer. Em alguns casos, os homens são operados devido à dor testicular, devendo haver mais critério neste tipo de indicação, uma vez que a dor pode ter outros fatores determinantes. A cirurgia pode acontecer ainda quando surgem as alterações estéticas. Embora este tipo de cirurgia ainda dá margem a várias discussões, os estudiosos sempre destacam que ela deve ser efetuada ainda no período da adolescência.

Fonte: Boa Saúde

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Suco de Romã pode frear metástase de Câncer de Próstata

Quando o câncer de próstata reaparece no paciente depois de tratamentos como cirurgia e/ou radiação, geralmente o próximo passo é a supressão do hormônio masculino testosterona, um tratamento que inibe o crescimento das células cancerosas, pois elas precisam do hormônio para crescer. Mas, com o tempo, o câncer desenvolve formas de resistir também a esse tratamento, se transforma em um câncer muito agressivo e sua metástase ataca a medula óssea, pulmões, nódulos linfáticos e geralmente resulta na morte do paciente.

O laboratório americano aplicou o suco de romã em células de câncer de próstata cultivadas em laboratório que já eram resistentes à testosterona - quanto mais resistente à testosterona uma célula cancerosa é, maior é a sua tendência à metástase. Os pesquisadores então descobriram que as células tratadas com o suco de romã que não morreram com o tratamento mostraram uma maior adesão, o que significa que menos células se separavam, e também queda na movimentação dessas células.

Em seguida os pesquisadores identificaram os grupos ativos de ingrediente no suco de romã que tiveram impacto molecular na adesão das células e na migração de células cancerosas no câncer de próstata já em estado de metástase. "Depois de identificá-los, agora podemos modificar os componentes inibidores do câncer no suco de romã para melhorar suas funções e fazer com que eles sejam mais eficazes na prevenção da metástase do câncer de próstata, levando a terapias com remédios mais eficazes", disse Manuela Martins-Green.

Outros tipos de câncer
A pesquisadora afirma que a descoberta pode ter impacto no tratamento de outros tipos de câncer.
"Devido (ao fato de) os genes e proteínas envolvidas no movimento das células de câncer de próstata serem essencialmente os mesmos que os envolvidos no movimento de células em outros tipos de câncer, os mesmos componentes modificados do suco poderão ter um impacto muito mais amplo no tratamento do câncer", afirmou.

Os próximos planos da pesquisadora são fazer testes adicionais em um organismo vivo com câncer de próstata em em fase de metástase para determinar se os mesmos componentes que foram eficazes nas células cultivadas em laboratório poderão evitar a metástase sem efeitos colaterais.
Fonte: http://www.noticias.uol.com.br/

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Com que frequência deve-se procurar o urologista?

A disfunção erétil é um problema que mexe muito com o homem, tanto a estética, como a parte de saúde. Faz parte do cotidiano do homem, por isso ele tem muita restrição em procurar a ajuda de um profissional para resolver não só esse, como outros problemas que o cercam. Porém é importante ter em mente que ir ao médico é uma coisa fundamental para a saúde e que a consulta pode e deve ser feita com sigilo, pois é nela que o homem vai tratar os seus tabus, suas vergonhas, etc.
A maioria procura ajuda sozinho. Existe o medo de comentar com outro homem e que isso possa virar motivo de piadas ou algo do gênero. Além do medo de comentar com a parceira e que isso possa acabar causando algum constrangimento.

O emocional também é muito levado em conta. Quando é necessário e nota-se que o paciente precisa de uma ajuda a mais, oriento que o homem busque se consultar com outro profissional para auxiliar e assim obter um resultado eficaz.

Há a situação, porém não é muito comum que as mulheres acompanhem seus parceiros até o encontro com o médico para consultas. Existem aquelas que ligam para agendar um horário para o homem, que questionam para auxiliar no problema de seus companheiros, mas a maioria das consultas é feita somente com a presença dos homens.

Sobre a frequência dos pacientes no consultório, desde que se inicie um tratamento, existe uma regularidade. Tenho pacientes novos praticamente todos os dias, mas existem os pacientes que já estão tratando, e mesmo após o resultado satisfatório, é necessário voltar para uma visita. O primeiro acompanhamento é feito a cada 6 meses, que depois passa a ser a cada ano. E até a obtenção do resultado no período de tratamento, é praticamente mensal a vinda do paciente ao consultório. Quanto aos exames, os de imagem e laboratoriais são encaminhados para locais específicos e no consultório são feitos os exames físicos. Busque tratamento caso tenha problemas e visite sempre o seu médico para manter a saúde 100%.

Fonte: http://www.idmed.com.br/

terça-feira, 9 de novembro de 2010

HOMEM QUER SER BARRIGA DE ALUGUEL

Thomas Beatie, o primeiro "homem" a dar à luz, espera voltar a fazer história, tornando-se o primeiro "homem" a alugar a barriga nos EUA. Em julho, Thomas, que é transexual, e a sua mulher, Nancy, tiveram o terceiro filho do casal. Agora Thomas, que nasceu Tracy e chegou a disputar concurso de beleza, espera poder ajudar casais a atingir o sonho do primeiro filho.

"Quando analisei a ideia pela primeira vez, achei que seria loucura. Depois, pensei no que isso significa e o que ter uma família significa para nós. Sou capaz de fazer (ser mãe de aluguel), então por que não?", disse Thomas, de 36 anos, ao "Toronto Sun".

Não espere que Thomas e Nancy "fecharam a própria fábrica". Thomas ainda pretende ter um quarto filho.
http://www.http//oglobo.globo.com/blogs/moreira/

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Notebook no colo pode Reduzir Capacidade Reprodutiva do Homem


Usar um laptop no colo, como o nome da máquina sugere ('lap' em inglês significa 'colo'), pode não fazer bem à saúde reprodutiva masculina, de acordo com um estudo. E há pouco que se possa fazer quanto a isso, além de usar a máquina sobre uma mesa, disse Yelim Sheynkin, urologista da State University of New York em Stony Brook e coordenador do estudo publicado pela revista Fertility and Sterility.

No estudo, termômetros foram usados para medir a temperatura dos escrotos de 29 jovens que tinham laptops apoiados sobre os joelhos. Mesmo com um suporte sob o computador, os escrotos dos participantes se superaqueciam rapidamente. "Milhões e milhões de homens usam laptops hoje em dia, especialmente na faixa de idade mais propensa a reprodução", disse Sheynkin. "Depois de apenas 10 ou 15 minutos, a temperatura de seus escrotos já está acima do que consideramos seguro, mas eles nem percebem", acrescentou.

De acordo com a American Urological Association, quase um em cada seis casais dos EUA enfrenta problemas de concepção. Em cerca de metade dos casos isso se deve a infertilidade masculina. Sob circunstâncias normais, a posição dos testículos fora do corpo os mantêm alguns degraus mais frios que o restante do organismo, o que é necessário para produção de esperma. Nenhum estudo havia pesquisado o efeito dos laptops sobre a fertilidade masculina, até agora, acrescentou Sheynkin.

Mas pesquisas anteriores demonstraram que aquecer o escroto em mais de um grau é o bastante para danificar os espermatozoides. Ainda que fatores gerais de saúde e estilo de vida tais como nutrição e uso de drogas possam afetar a saúde reprodutiva, jeans e cuecas apertados em geral não são considerados fator de risco, porque as pessoas se movimentam quando os usam.

Mas apoiar um laptop sobre os joelhos, no entanto, exige manter as pernas imóveis e fechadas. Depois de uma hora nessa posição, os pesquisadores constataram que a temperatura dos testículos sobe 2,5 graus. Um suporte para o laptop mantém a máquina mais fria e impede transferência de calor à pele, mas Sheynkin alertou que isso não ajuda muito a refrigerar os testículos e pode oferecer uma falsa sensação de segurança.

Fonte: Portal G1

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

As 10 melhores posições do Kama Sutra

Conheça as 10 posições testadas e aprovadas pelas leitoras da Revista Nova:


1- Pura provocação
Escolha uma espreguiçadeira estreita o bastante para você se sentar com uma perna de cada lado e os pés no chão. O homem se deita de pernas esticada, a mulher vai por cima, como mostra a ilustração, movendo os quadris, estimulando o pênis cima e para baixo, de um lado para o outro...


2 – Vai-e-vem
O homem senta-se de pernas cruzadas e a mulher deve sentar-se de frente para ele em seu colo, passando as pernas em volta da cintura. Então, começam a balançar para a frente e para trás bem devagar, aumentando o ritmo do movimento à medida que forem se aproximando do orgasmo.

                                                     
                                                      3. Parece mas não é
O segredo dessa posição é que o bumbum da mulher não está apoiado na cama. O homem deve ficar de quatro (sobre os joelhos e as mãos) e a mulher ergue o corpo ao encontro do pênis. Enquanto ele mantém a posição, a iniciativa dos movimentos de entra-e-sai é dela.

4.Cadeira de Balanço
O homem se deita com as costas apoiadas em um travesseiro alto, as pernas flexionadas e separadas, o membro pronto para entrar em ação. A mulher senta-se sobre o rapaz com as suas pernas entre as dele. Braços para trás e as mãos nos ossos dos quadris dele. Agora, já tem todo o apoio de que precisa para se movimentar para frente e para trás, para cima e para baixo.


5- De vento em popa
Deitada de lado, a mulher levanta a perna de cima como um mastro, dando espaço para que o homem se ajoelhe e a penetre. Agora, fazendo manobras para frente e para trás e curvas audaciosas, que vão leva-los ao nirvana.






6- Chão de Estrelas
De costas para ele, curve o corpo para frente, até apoiar as mãos no chão. O homem encaixa por trás, abraçando a mulher pela cintura.







7- Proposta Indecente
A mulher deita-se de lado numa superfície bem lisa, apóia-se sobre o braço e levante a perna de cima bem esticada, formando um ângulo reto. Pode imaginar convite mais explícito? Basta que o homem se ajoelhe entre as pernas dela e fazer acontecer.



8- Coladinhos
Olha só que provocante variação do papai-e-mamãe (a mulher deitada de costas e o homem por cima). Até pode parecer, mas a posição não tem nada de comportada. O ideal é manter as colunas perfeitamente alinhadas. Assim, quando o homem deslizar sobre a mulher para cima e para baixo (em vez do tradicional entra-e-sai), cada centímetro da pele será massageado.
                                               


9- Cataratas do Iguaçu
Os dois entram em uma banheira com água morna, que tenha chuveirinho. O homem deve se sentar com as pernas esticadas e a mulher, no colo dele, apoiando os braços na beira da banheira. Enquanto ele a penetra por trás, dirija a ducha de água para o clitóris.


10- Gangorra Sexual
A mulher deita-se de costas e levanta as pernas ao máximo possível, dobrando-as para trás, paralelas ao chão. Ajoelhado à sua frente, o homem vai ajudar a manter o equilíbrio, sustentando seu bumbum nas coxas. Depois da penetração, começam um lento e sensual movimento de sobe-e-desce, como numa gangorra.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O QUÉ É A EJACULAÇÃO PRECOCE


ejaculação precoce foi considerada uma disfunção de origem biológica com importantes componentes psicossociais, sendo diagnosticada por três critérios: latência ejaculatória breve, perda do controle sobre a ejaculação e desconforto psicológico do paciente e sua parceira. Podemos entender que a ejaculação precoce é definida se após estimulação mínima ocorre de forma persistente ou recorrente o orgasmo e a ejaculação, durante ou logo após a penetração, sendo algo não desejado pelo indivíduo.

Homens que tenham uma latência ejaculatória menor que 1 minuto tem ejaculação precoce. É uma condição masculina das mais prevalentes, acometendo 25,8% da população masculina brasileira, sendo que 70% destes casos são primários, ou seja, ocorre desde a primeira relação sexual e se mantém ao longo da vida segundo dados do Projeto Sexualidade, Instituto de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP.


Causas

Como causas desta disfunção estão: ansiedade, efeitos de experiências sexuais precoces, baixa frequência da atividade sexual, alteração do desenvolvimento emocional, hipersensibilidade peniana, reflexo ejaculatório hiperexcitável, hiperexcitabilidade geral, endocrinopatia, predisposição genética, ou alteração dos mecanismos biológicos relativos aos neurotransmissores como a norepinefrina, serotonina, oxitocina etc.

Através dos resultados de estudos que abrangeram este universo, analisados o tempo de latência ejaculatória, funcionamento sexual, desconforto pessoal, e dificuldades interpessoais, com qualidade de vida, autoestima, confiança, saúde geral, vitalidade, relacionamento social, saúde emocional e mental. Constatou-se que a ejaculação precoce traz impacto negativo no homem e na parceira. Homens com ejaculação precoce relatam menor segurança e conhecimento sobre a sexualidade feminina, sendo alta a prevalência desta situação em parceiros de mulheres também com problemas sexuais.

O tratamento deve ser enfocado pelo lado biológico, através de uma avaliação urológica, e se for tratado com medicação apropriada para retardar a ejaculação. O ideal é que se tenha também o parecer e um acompanhamento psicológico, pois como descrito acima, podem coexistir ou interdepender várias situações na qual um tratamento multidisciplinar poderá trazer benefícios mais rápidos e duradouros. As cirurgias para redução da sensibilidade peniana, ainda são consideradas experimentais e devem ser evitadas.


Para ter mais informações sobre ejaculação precoce acesse o site www.aumentopenianoplenus.com.br e preencha uma pesquisa que estão realizando sobre este assunto.



Fonte: www.cliquesaude.com.br

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Orientações Urológicas Preventivas

• As crianças devem ser avaliadas por um urologista para verificar problemas relacionados à fimose, ao criptoquirdismo (o testículo que não desce da barriga para a bolsa escrotal), entre outros assuntos.
• Todo pré-adolescente deve visitar o urologista para avaliação genital. Essa consulta poderia diagnosticar problemas como tumores nos testículos, comum nessa faixa etária.

• A ingestão abundante de água (de seis a oito copos) ao longo do dia deve ser hábito na prevenção de cálculos renais.

• A visita a um urologista a partir dos 40 anos para quem tem casos na família de câncer de próstata, ajuda no diagnostico precoce da doença. Quem não tem casos na família pode começar o check up anual a partir dos 45 anos.

• Lavar muito bem o pênis com água e sabão após relações sexuais puxando o prepúcio é a prevenção ao câncer de pênis.

• Usar camisinha é uma forma de se prevenir de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs).

• A qualquer sinal de disfunção erétil, procure um urologista e não se automedique. A impotência, como é popularmente chamada, pode ser conseqüência de outros problemas como cardiopatias (problemas do coração) e diabetes.

• Depressão, falta de desejo sexual, perda de energia, cansaço podem ser sintomas do Distúrbio Androgênico do Envelhecimento Masculino (DAEM), conhecida popularmente como Andropausa. Não há prevenção para o problema, mas é importante aos primeiros sinais procurar um urologista para uma avaliação. O DAEM é mais comum em homens a partir dos 60 anos.
Fonte: Soc. Brasileira de Uroligia

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

CÂNCER DE PÊNIS PODE SER EVITADO

Patologia pouco comentada no Brasil, o câncer de pênis atinge, hoje, 2% da população masculina do país, segundo a Soc. Bras. de Urologia. Associada a maus hábitos de higiene, a doença é bastante invasiva e alcança índices alarmantes nas regiões Norte e Nordeste, onde chega perto de 10%.

O HC recebe cerca de 60 pacientes com câncer de pênis por ano. Desse total, em 80% dos casos há necessidade de amputação do membro. O número é preocupante pela gravidade e complexidade em que os casos chegam até o hospital, todos com urgência cirúrgica.

Os sintomas são facilmente caracterizados, por parecer com uma úlcera e formar feridas na no pênis. Segundo o médico, a maioria dos pacientes não acredita que se trata de câncer e demora para buscar ajuda. Ou pede ajuda para farmacêuticos, que muitas vezes indicam antibióticos e pomadas, por confundir os sintomas com os de DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis). O urologista sinaliza que a fimose pode ser um fator de risco para a consolidação da doença, pois dificulta a higienização do pênis.

Tratamento
O tratamento do câncer de pênis em geral é feito por meio de cirurgia, pois o câncer avança de maneira rápida e causa traumas que somente a intervenção cirúrgica pode reparar a tempo. O especialista acrescenta que, em muitos casos, a doença apresenta-se em estágio avançado, o que torna necessária a amputação total do órgão sexual. Se tratado a tempo, o paciente sofre danos menores, que não o impedirão de ter uma vida sexual ativa.

Segundo Crippa, devido ao seu caráter de mutilação, o diagnóstico precoce é fundamental, pois evita grande parte do sofrimento e sequelas no paciente. A prevenção do câncer é simples. Basta estar atento à higiene comum, com limpeza diária com água e sabão e maior cuidado na região da glande
Fonte: http://www.uol.com.br/

terça-feira, 17 de agosto de 2010

NOVA CIRURGIA DE CÂNCER DE PRÓTATA REDUZ IMPACTOS NA SEXUALIDADE MASCULINA

Quando se trata do câncer de próstata, um dos maiores desafios é desenvolver técnicas que reduzam dois graves problemas causados pela radioterapia e pela cirurgia de retirada da glândula: a disfunção erétil e a incontinência urinária. Um novo procedimento desenvolvido nos EUA, que utiliza um laser de CO2 promete ser uma alternativa para manter intacta a função sexual e urinária dos homens após a remoção da próstata.

Cirurgiões de Nova York e da Univ. de Colúmbia testaram o laser de dióxido de carbono durante cirurgias de próstata feitas com robôs e descobriram que a retirada da próstata pode ser feita com mais precisão, o que ajuda a preservar as áreas responsáveis pela ereção do pênis e pela função urinária.

Ketan Badani, diretor de cirurgia robótica do Hospital Presbiteriano de NY, disse que a técnica “esquenta” uma região cerca de mil vezes menor do que os lasers tradicionais, o que ajuda a proteger essas estruturas e aumentar as chances de manter a capacidade sexual do paciente.

Apesar disso, Badani afirma que ainda não existem informações sobre a manutenção da ereção com o uso da técnica. Isso porque, segundo ele, a primeira fase dos estudos analisou apenas a segurança da cirurgia. É a partir de agora, numa segunda etapa, que os pesquisadores vão verificar os resultados práticos na questão sexual. O cientista afirma, que a condição do paciente antes da cirurgia é o que mais influencia em sua recuperação.

- Problemas como disfunção erétil, diabetes e colesterol alto, as chances de recuperação são menores.

Apesar do entusiasmo dos cientistas americanos, o médico Cassio Andreoni, chefe da disciplina de urologia da Unifesp, diz que as cirurgias que envolvem laser e robótica ainda não se provaram um sucesso na redução de danos e se tratam apenas de “marketing”. Afirma ainda que já usou técnicas de laser nesse tipo de cirurgia, mas parou de usá-las por não ver muitos benefícios. De acordo com ele, métodos que usam clipes de titânio para suturar a próstata durante a cirurgia são mais eficientes.

- O laser é apenas mais uma forma de parar o sangramento. Não significa que o método é mais preciso. O laser com certeza não vai adicionar o mesmo benefício para todos os pacientes.
Fonte: http://noticias.r7.com/saude

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

O QUE OS HOMENS ESPERAM DAS MULHERES?


Mulheres querem respeito, carinho, dedicação, educação, amor, sinceridade, etc... Mas como sabemos, sem a atração física e a paixão a pessoa seria apenas um amigo. Mas e os homens, o que eles desejam e esperam de uma mulher? Muitas pesquisas foram realizadas no mundo e os resultados vêm a seguir:
O que você (homem) espera de uma mulher no relacionamento?
Honestidade e comunicação aberta falando o que pensa; emoção, firmeza, flexibilidade e romantismo; inteligência nos atos do dia a dia para evitar o desgaste da rotina; ter um companheirismo sem cobranças; ter a capacidade de ser criança, mãe e amante ao mesmo tempo; saber organizar e dividir o tempo para as coisas de seu homem, filhos, da família,e também entre estudo, trabalho, lar e amigos.

O que você (homem) acha sexy em uma mulher?
Os olhos; lábios provocantes; bom senso de humor; pernas e seios bonitos; firmeza muscular; como andam e balançam os cabelos; vestimentas que mostram as suas curvas; o seu cheiro; ela sentir-se a melhor amante do mundo, etc.

E sexualmente, o que faz uma mulher ser uma boa parceira sexual e o que você espera dela?
Adoro ser seduzido; saiba usar a linguagem do corpo e me faça estremecer com toques; não ter vergonha de experimentar (um número cada vez maior de homens está se dando conta de que sente prazer em ser seduzido).

Porém poucos homens têm a coragem de pedir a uma mulher que conduza o sexo, principalmente se não for uma parceira na qual ele se sinta seguro e à vontade na intimidade. Na verdade, como o homem teme ser rejeitado sexualmente, levar um "não" ou achar que não está desempenhando o papel de "homem de verdade", faz com que ele omita sua vontade de ser dominado sexualmente. Se não diz, a mulher fica com receio de arriscar uma ousadia.

A mulher assumindo o controle do sexo , uma vez ou outra, vai oferecer um estimulante poderoso para a fantasia sexual masculina, pois vai ver que isso faz parte dos seus delírios sexuais, ainda que nem sempre dito por ele. O jogo do amor deve sempre ter muita fantasia, criatividade nos toques e posições sexuais, cumplicidade e muito sentimento.

Do que os homens mais gostam nas mulheres?
Bom humor; sensualidade; sensibilidade; maneira carinhosa de ser; maneira cuidadosa e delicada de falar, andar, comunicar-se; firmeza de caráter; inteligência; fogosidade sexual; sociabilidade, charme e beleza; amizade; da sua forma forte de vencer adversidades, de adaptar-se a dificuldades e sair delas rapidamente; de sua maneira sutil e franca de dizer as coisas; e lógico de sua capacidade de manter os gastos dentro de patamares que não o leve à falência.

Eles gostam daquela mulher que sabe o que pode comprar; que vibra tanto com uma singela rosa quanto com um colar de diamantes; que quando doente, não se afasta de seu leito; que quando ele não está, é mãe, pai e chefe de família sem perder a feminilidade; que quando ele encontra-se indisposto, faz-lhe uma massagem e toma-o no colo; que diz que ele é o melhor amante do mundo, e que de todos os homens da Terra, é o mais viril. Em resumo, os homens querem uma mulher companheira, parceira, esposa e amante
Fonte: http://www.minhavida.com.br/

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

VIAGRA PARA TRATAR DOENÇAS PULMONARES


O Viagra® é usado por homens que sofrem de disfunção eréctil, mas também ajuda adultos com hipertensão arterial pulmonar, já que relaxa a parede arterial, diminuindo a pressão arterial nos pulmões. Isso porque o comprimido bloqueia uma enzima que controla o fluxo de sangue, tanto no pénis quanto nos pulmões, avança o site Hype Science.

O medicamento funciona para a hipertensão arterial pulmonar porque o que essa doença faz é aumentar a pressão sanguínea nas veias e artérias que passam pelos pulmões do paciente, causando tontura, desmaios e falta de fôlego. Para compensar tudo isso, o coração acaba por trabalhar mais. Com o Viagra®, essa pressão é aliviada.

Investigadores da Food and Drug Administration (entidade dos EUA que regula os medicamentos) devem reunir-se para decidir se é seguro administrar a droga para crianças. Testes da Pfizer, fabricante do Viagra®, em 234 crianças mostraram que o fármaco aumenta a capacidade respiratória dos pacientes. Agora resta saber se a nova terapia será aprovada e se pais não acharão controverso dar Viagra® aos filhos pequenos.
Fonte: http://www.rcmpharma.com/

CASO REAL - INICIAÇÃO SEXUAL NA ADOLESCÊNCIA

Caso: "Rodrigo", 24 anos, relata o sofrimento de sua primeira experiência sexual. O pai, um machão típico, boêmio e cercado de prostitutas, ansiava por ver o filho “tornar-se homem”. Quando Rodrigo fez 12 anos, levou-o à sua casa para fazerem um programa juntos. Lá, dois amigos do pai e cinco prostitutas os aguardavam. Logo que chegaram, uma das mulheres começou a acariciar o menino enquanto lhe tirava a roupa. Levou-o para a cama e todos se acomodaram para assistir. Seu pai, orgulhoso, passou a filmar a cena com uma câmera. Queria registrar a prova da virilidade do filho. “Não me lembro dos detalhes, somente de um desejo desesperado de fugir dali.”

Profissional: Em várias partes do mundo os rituais de iniciação variam apenas em grau de dramaticidade e crueldade. No Ocidente, entretanto, eles não são claramente definidos e por isso a masculinidade necessita ser provada durante toda a vida do homem. O jovem só é considerado homem quando o pênis fica ereto e “come” uma mulher. E isso deve acontecer o mais cedo possível. De maneira explícita ou não, é pressionado pelos amigos ou pelo próprio pai, às vezes de forma patética, como no caso de Rodrigo.
Fonte: http://www.odia.com.br/

quarta-feira, 28 de julho de 2010

CIRCUNCISÃO DIMINUI O RISCO DE INFECÇÃO DO VÍRUS HIV

A circuncisão reduz em 60% o risco de infecção pelo vírus HIV, razão pela qual a Organização Mundial da Saúde (OMS) deve promover a cirurgia em vários países africanos, embora reconheça que não é uma solução definitiva contra a doença. A proposta foi feita nesta terça-feira, 20, em Viena, pelo diretor regional da OMS em Brazzaville (Congo), o David Okello, que disse haver "evidências científicas suficientes para promover a circuncisão como um dos métodos para prevenir a aids".

Okello alertou que a cirurgia, cuja operação custa aproximadamente US$ 50, não é um "preservativo natural" e que a intervenção cirúrgica deve ser acompanhada por um intenso trabalho de esclarecimento, principalmente sobre o uso de preservativos. A organização americana Population Services International (PSI), que faz circuncisões, já operou cerca de 60 mil homens desde 2008 em países africanos como Quênia, Suazilândia, Zâmbia, Botsuana e Zimbábue.

Pesquisas posteriores feitas com 6 mil homens revelaram que a intervenção reduziu o risco de infecção pelo vírus HIV. No entanto, as mulheres mantêm o mesmo risco de exposição à doença se tiverem relações sexuais sem proteção com homens circuncidados. Para Bill Gates, da Microsoft, que também financia uma campanha "o custo de não fazer nada é muito superior ao dos programas de circuncisão".

Para Krishna Yaffo, diretora do PSI para o HIV, se 80% da população masculina da África Oriental e do Sul fizesse a circuncisão, "seria possível evitar, nos próximos 5 anos, cerca de 4 milhões de infecções" até 2025. Alcançar esses resultados representaria, segundo Yaffo, "uma economia de despesas de saúde de US$ 20 bilhões no mesmo período".

A iniciativa não está isenta de polêmica, e a organização americana Intact America (IA) faz coro com os críticos do método. "A promoção da circuncisão masculina promove uma mensagem errônea, cria um sentido equivocado de proteção e expõe as mulheres a mais riscos de se infectar com o HIV", declarou em comunicado a diretora do IA, Georganne Chapin.

"Os homens já fazem fila (na África) para ser circuncidados, acreditando que não precisariam mais usar o preservativo", disse Georganne.
Fonte: http://www.estadao.com.br/

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Polícia busca 'bandido do pênis' na Inglaterra

A polícia de Lewes, no sul da Inglaterra, está à procura do responsável por espalhar pela cidade uma série de cartazes retratando o pênis. Polícia busca 'bandido do pênis' na InglaterraOs pôsteres em tamanho A3 e A4 mostram um órgão sexual masculino enfeitado com um laço de fita amarela, e foram colocados em estacionamentos e outros locais próximo de escolas.

Um porta-voz da polícia local disse que os investigadores não descartam que a ação seja uma forma de protesto, porque algumas imagens aparecem com a seguinte descrição: "Valores (possivelmente de mensalidades, comissões ou impostos) a serem elevados até o fim do ano". A polícia começou a remover as reproduções, que foram enviadas para exame de impressão digital. 

"Não recebemos nenhuma queixa formal, mas estamos preocupados porque esses pôsteres apareceram perto de escolas e podem muito bem causar ofensa ou estresse", disse o porta-voz da polícia. A corporação divulgou que está em busca do responsável pelo ato, mas não revelou se segue alguma pista no caso. "Pelo que vimos, se isto for um auto-retrato, o artista não tem pressa de ser identificado", disse o porta-voz. Fonte: BBC Brasil

sexta-feira, 16 de julho de 2010

DIA INTERNACIONAL DO HOMEM

Dados estatísticos comprovam que os homens procuram muito menos o serviço médico do que as mulheres. Geralmente, eles só vão ao médico quando não tem mais jeito, o que pode aumentar muito as chances de morte. A cada três óbitos no Brasil, dois são de pessoas do sexo masculino. Eles vivem, em média, sete anos a menos do que as mulheres e ainda convivem mais com problemas de pressão alta, diabetes, colesterol elevado, de coração e câncer.

Procurar mais o médico e se submeter a check-up anual e outros exames não é “frescura”. Essa rotina permite a prevenção e a detecção precoce de doenças. O programa de saúde do homem não é só a detecção precoce de câncer de próstata. É todo um conjunto, inclusive com doenças crônico-degenerativas e cardiovasculares. Se o homem não faz o check-up em um ano, pode perder um tempo precioso de possibilidade de detecção precoce de qualquer doença.

Além da informação, é necessário dar ao homem brasileiro condições de acessar o serviço médico, composto por profissionais capacitados e sensíveis a este problema. Por isso, o Plano Nacional de Saúde do Homem, do Ministério da Saúde, não abrange apenas a conscientização da população.

A política tem nove eixos de ação, com projetos que serão executados até 2011. Entre as medidas estão o aumento de até 570% no valor repassado por procedimentos urológicos e de planejamento familiar; crescimento em até 20% no número de ultra-sonografias de próstata; destino de R$ 455 milhões para capacitação e treinamento de profissionais de saúde; e recursos para a compra de equipamentos.

Câncer
Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca) revelam que ocorrem cerca de 47 mil casos de câncer de próstata no país a cada ano e, entre 1979 e 2004, houve aumento de 95,48% na taxa de mortalidade por essa doença. Além disso, o Brasil é campeão no número de casos de câncer de pênis, que pode causar amputação e morte do paciente. Apesar disso, os homens resistem a ir ao médico e a fazer exames.

A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) acredita que a chave para mudar este quadro é a informação. Iniciativas como palestras de esclarecimento e apoio promovidas pelas igrejas para membros e moradores da região – a exemplo do que já ocorre quando o tema é mulher – podem ajudar na melhoria da qualidade de vida dos homens brasileiros.
Fonte: http://www.saudeplena.com.br/

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Bioplastia Peniana - Engrossamento do Pênis

A Bioplastia Peniana tem como função aumentar o perímetro (espessura) peniano que acontece já na hora da aplicação. Este método não é cirúrgico e pode preencher as camadas da pele mais profundas permitindo que o pênis tenha seu perímetro aumentado (engrossamento peniano). O líquido é injetado através de pequenas cânulas e a quantidade é previamente estipulada por uma avaliação médica. Dependendo do pênis, é possível aumentar até 5 cm na sua circunferência.


 

quarta-feira, 23 de junho de 2010

O Preservativo tem dentes e 'morde' o pênis do estuprador








O número de estupros na África do Sul é tão alto que a sul-africana Sonette Ehlers desenvolveu um mecanismo de defesa para inibir a ação dos agressores: uma camisinha feminina especial chamada Rape-aXe. Ehlers trabalha há anos com vítimas de abuso sexual. Certo dia, ouviu de uma dessas mulheres uma frase que não lhe saiu mais da cabeça: "Eu queria ter dentes lá embaixo".

Uma vagina que morde é uma ideia que sempre aterrorizou os homens. Bastou uma apresentação pública da invenção para reduzir a zero o número de estupros numa cidade. "O diretor de polícia me disse: 'Sonette, depois da sua apresentação, passamos três meses sem registrar um estupro sequer. Os homens ficaram com medo de que você tivesse deixado algumas dessas camisinhas por aqui'", conta ela.

O medo dos homens tem fundamento. A possibilidade de cometer o estupro ainda existe, mas as consequências para o agressor são devastadoras. Na hora em que ele tentar tirar o pênis de dentro da vagina, centenas de farpas perfuram a pele.

Camisinha só pode ser retirada em cirurgia
"Rape-aXe é uma camisinha para mulheres que, depois de um estupro, se transforma numa camisinha para o homem. A camisinha é feita de látex e plástico, e as farpas são colocadas na parte interna de forma que o homem não consiga retirá-la sozinho", explica Ehlers.

"O homem deve procurar um hospital o mais rápido possível e retirá-la com um procedimento cirúrgico. A camisinha fica presa ao pênis, é tudo muito doloroso e ele não pode sequer urinar. Na clínica, o procedimento só pode ser realizado com anestesia local."

Isso não poderia ser considerado agressão física? – é a pergunta que as funcionárias da Terre des Femmes mais ouvem do público nas discussões promovidas na Alemanha. A resposta da organização de defesa dos direitos da mulher é clara: é o homem quem agride a mulher, e a camisinha com farpas oferece proteção contra essa violência.

A Terre des Femmes apoia o Projeto Rape-aXe por entender que assim as mulheres podem se proteger e, principalmente, porque elas é que decidem quando usar a camisinha, diz Serap Altinisik, que também faz parte da organização.

"Consideramos muito importante que isso seja uma decisão própria. Simplesmente porque, do contrário, dirão: 'As mulheres já podem se proteger e não precisamos mais promover trabalhos de prevenção e esclarecimento'. E uma situação assim não é sustentável", comenta Altinisik.

"A camisinha é quase como uma ferramenta de autodefesa, como spray de pimenta, que se pode carregar consigo. Por isso achamos que ela pode ser usada por mulheres de todos os lugares", diz.


Fonte: http://www.dw-world.de/dw/article/0,,4771122,00.html

terça-feira, 8 de junho de 2010

Acerte a mão


Um guia dos erros mais comuns que os homens cometem na cama. Acompanhado, é claro, de gentis correções de nossa colaboradora

Por: Sarah Miller


Sabe aquelas listas de boas maneiras colocadas em piscinas públicas? Não urine na água, não entre antes de passar na ducha, não vomite o medalhão de filé e a garrafa de cabernet franc no nosso novo sistema de filtragem. Juro que esta é a ultima vez que comparo minha vagina com uma piscina pública, mas sempre pensei em como seria ótimo afixar algo parecido nas paredes do meu quarto.

Veja, eu adoro que você adore fazer sexo comigo, e adoro fazer sexo com você também. Mas, às vezes, você faz coisas de que não gosto. Coisas bizarras. Coisas que você acha que vão me fazer gemer de gratidão e prazer, mas que me dão vontade de virar para o lado e ligar a TV. Felizmente, esses erros geralmente não ocorrem por falta de habilidade, mas por excesso de informação errada. Você pode facilmente desaprendê-los. Lembre-se: eu provavelmente conheço melhor o que gosto do que você. E, se eu tivesse um aviso de quarto, o conteúdo poderia ser assim:


NÃO PERGUNTE "DO QUE VOCÊ GOSTA?" na primeira vez que fizermos sexo.

É o nosso terceiro encontro. Está bem, talvez seja só o segundo, ou, quem sabe, acabamos de nos conhecer num elevador. De qualquer maneira, já estamos nos amassos. A calcinha está saindo, os olhos em chamas. Daí, você faz a pergunta e pumba!... Acabou-se a magia. Primeiro eu fico acanhada. Posso estar pronta para fazer sexo, mas não tanto para falar sobre isso! Segundo, vou me sentir pressionada a dar uma resposta provocativa, às vezes envolvendo brinquedos ou humilhação sistemática, mas a única coisa que consigo pensar em dizer é: "Bem, Paulo, acho que vou querer estimulação manual e oral, seguida de penetração, resultando, por último, no meu orgasmo". Finalmente, fico irritada. Você está tentando parecer sexy, selvagem, aberto para tudo? Porque, se estiver, eventualmente não vou acabar descobrindo?

O que fazer... perguntas mais tarde. Elas agitam uma relação que já está rolando sexo. Mas jogam água fria naquelas que estão começando.


NÃO ENFIE A LÍNGUA NA MINHA ORELHA.

A pobre e inocente orelha (a) é um ponto semi discreto, (b) é um buraco e (c) tem pregas. Por essas razões, ela tem sido mal definida como uma grande zona erógena. Esse é um dos grandes equívocos da história da civilização ocidental. Há muito homem agindo conforme a metáfora de que a orelha dela é um formigueiro e você, o tamanduá. Tente segurar a onda.

O que fazer... toque com jeito. Não estou dizendo para nunca tocar a orelha. Só não toque todas as vezes. A orelha deve ser beijada de leve, talvez lambida nas pontas, ou mordiscada com cuidado. Depois, pode largar.É só uma orelha.


NÃO TENTE SOCAR SEU PÊNIS SEMIDURO DENTRO DA MINHA VAGINA.

Eu entendo: você espera que ele endureça mais estando lá dentro. Ou você acha que, se você agir como se estivesse tudo bem, então tudo vai estar bem. Ou talvez você esteja tratando seu pênis como um adolescente teimoso - você vai mostrar quem é que manda, e vai mandá-lo para o quarto. A única coisa mais humilhante do que enfiar um pênis flácido dentro de alguém é alguém enfiando um pênis flácido em você. Nesse ato infeliz, nós sentimos todo o seu medo, desespero e insegurança, concentrados bem no local onde você quer que sintamos outra coisa. Acrescente-se a isso a sensação estranha de estar ganhando um exame ginecológico de um ursinho de pelúcia.

O que fazer... qualquer coisa, menos isso. Beije. Assista a The O.C. Peça uma pizza. A menos que seja um problema recorrente, exigindo atenção médica ou psiquiátrica, não tem nada de mais. Não mesmo.


NÃO TENTE ALCANÇAR MEU CLITÓRIS se você estiver numa posição inadequada para essa conexão. 

Tipo quando estou claramente curtindo o que estamos fazendo. Ou, digamos, se você estiver na sala, vendo TV e eu na cozinha fritando um bife. Tal persistência não é admirável,é irritante. É ótimo você saber o quanto a estimulação clitoriana é importante. Agora, você também precisa saber que se não for feita direito - isso inclui ângulo, pressão e movimentos certos -, não é agradável e pode até machucar.

O que fazer... uma pergunta. Uma boa ajuda pode ser pegar a mão dela e dizer: "Me mostre o que você gosta aqui". Daí você pode seguir o movimento da mão dela ou ela pode guiar a sua até você captar a idéia. Em certas posições, uma mulher simplesmente não quer ter o clitóris estimulado ou prefere dar conta do recado sozinha.


NÃO RASPE OS PELOS ESCROTAIS.

Fazer sexo com um cara que raspa o saco é como andar a cavalo sobre uma sela de cacos de vidro. Se quiser raspar, faça regularmente. Quer dizer, a cada meia hora.

O que fazer... aceitar a sua condição peluda. A menos que você arranje uma solução mais digna - e elas são caras -, tente aceitar os pelos do seu corpo. Você é homem. Seu tatara-tatara etc- avô era um gorila. Ninguém está culpando você.


NÃO TENHA UM COLAPSO NERVOSO por ter ejaculado muito depressa, perdido a ereção ou não ter conseguido uma.

Um pênis temperamental, ocasionalmente, não é motivo para alarme - mas um cara pirando por causa disso é. (Se você tratar o assunto como uma catástrofe, vamos começar a achar que é uma catástrofe, algo com que devemos nos preocupar.) Inversamente, também não é uma boa ideia agir como se nada tivesse acontecido, porque, bem, isso não convence.

O que fazer... reconhecer e lançar mão do bom humor. O cara que diz "Nossa, só costumo levar cinco segundos; isso é um recorde" ou "Acho que as super-pílulas anti-ereção que comprei na internet estão funcionando" é o tipo de cara que nos faz querer tentar de novo. Mais tarde. Depois de um filme. E, possivelmente, de um sanduíche de frango.


Fonte: Men's Health

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Curiosidades sobre Medicina Sexual

Cigarro e Sexualidade

Fumar está associado a um risco significativamente mais elevado de se ter problemas de ereção. Um fumante tem um risco 1,4 vezes mais elevado que um não fumante (ou seja um risco mais elevado de 40%).


Álcool e Sexualidade

O risco de surgir problemas de ereção aumenta significativamente a partir de uma consumação de mais de 2 copos de bebida alcoolizada (mais de 2 copos de vinho ou 2 chopes, etc).


Atividade Física e Sexualidade

Um homem que tenha uma atividade física equivalente a 3 horas de caminhadas por semana tem um risco de adquirir problemas na sua ereção nitidamente diminuídos (0,75) em comparação com uma pessoa de vida sedentária.


Excesso de Peso e Sexualidade

O excesso de peso é avaliado através do BMI (Body Mass Index) ou índice de massa corporal que se calcula dividindo o peso em kilos pelo tamanho em m² (= tamanho em metros multiplicado por ele mesmo, por exemplo, 1 m 70 x 1 m 70 = 2.89). O risco de problemas na ereção é multiplicado por 1,5 nos homens cujo BMI ultrapassa 27.6 (obesidade) em relação a aqueles com um BMI inferior a 23. Particularmente o risco de problemas de ereção severa (impossibilidade de penetrar) é 1,7 vezes maior nos primeiros.


Viagra Reduz a Dilatação Anormal do Coração

Pesquisadores da Universidade Johns Hopkins, Estados Unidos, verificaram que o Sildenafil (Viagra), medicação usada para disfunção erétil, pode ajudar também no tratamento de doenças do coração. Após três anos de estudo sobre a ação desta droga em ratos machos com corações dilatados por hipertensão (aumento da pressão arterial), os estudiosos concluíram que o Sildenafil não só interrompe o aumento do músculo cardíaco como ajuda o coração a voltar ao tamanho normal. Segundo os pesquisadores, os fabricantes do Viagra não tiveram envolvimento no projeto, que recebeu ajuda de entidades como a Associação Americana de Cardiologia.


Ponto G

Significa Ponto de Gräfenberg, em homenagem ao médico alemão, primeiro a descrevê-lo em revistas especializadas. O ponto consiste de uma concentração de terminações nervosas, no final do primeiro terço da vagina, na parte superior (teto) da parede vaginal, cerca de 5 centímetros da entrada. O ponto é muito sensível à pressão e quando alcançado provoca um orgasmo intenso que chega a surpreender o parceiro.


Ejaculação Precoce

O laboratório Johnson-Johnson está desenvolvendo uma medicação específica para o tratamento da ejaculação precoce chamada de Dapoxetina. Nos estudos atuais tem aumentado significativamente o tempo de ejaculação dos pacientes estudados (aqueles que ejaculam em menos de 2 minutos) sendo usado quando necessário não necessitando de um tratamento contínuo.


Reposição Hormonal Masculina

O laboratório Schering lançou ano passado na Europa uma nova versão do Undecanoato de Testosterona chamado de Nebido® para reposição hormonal masculina. A grande novidade é que esta preparação de 1000 mg tem duração média de quatro meses graças a um mecanismo de liberação gradual. Seu lançamento na américa latina está previsto para este ano.


Ejaculação Precoce e Impotência

Aproximadamente metade dos homens que se queixam de disfunção erétil também refere concomitante a presença de ejaculação precoce. Esta conclusão veio de um estudo que incluiu mais de 3.000 homens com idade entre 20 a 75 anos de 8 países (Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha, França, Itália, Espanha, México e Brasil) e apresentado durante o congresso da Associação Européia de Urologia realizado na Turquia em março.


Avanafil

É uma nova medicação para o tratamento da impotência, da família dos inibidores da fosfodiesterase- 5 (PDE5) que inclui Viagra, Levitra e Cialis, que está sendo desenvolvida pelo laboratório Vivus. Os estudos até agora demonstram que o Avanafil terá uma ação mais rápida que seus concorrentes, permitindo uma penetração após 30 minutos da sua ingestão, e ao contrário dos outros inibidores da PDE5 poderá ser tomada mais de uma vez ao dia.


Aumento Peniano e Bombas de Vácuo

Homens que desejam aumentar o pênis devem evitar usar os famosos aparelhos de vácuo, usados mais comumente para provocar ereções. Trabalho realizado na Universidade de Teerã no Iran publicado em abril deste ano no British Journal of Urology demonstrou que um grupo de homens, ativos sexualmente sem doenças que possam afetar o tamanho do pênis e a função sexual, usou por meses estes aparelhos 3 vezes por semana por 20 minutos e apenas alcançaram um aumento médio do pênis de 0,3 cm. Chegaram à conclusão que este método não é útil para alongar o pênis.


Reabilitação sexual após Prostatectomia Radical

Disfunção erétil e diminuição do tamanho do pênis são conhecidos efeitos indesejáveis após cirurgia para câncer de próstata (prostatectomia radical). De acordo com trabalho apresentado durante a reunião anual da Sociedade de Medicina Sexual da América do Norte pelo Dr. Wang, do Centro de Câncer de Huston – Texas, a reabilitação sexual, com abordagem múltipla através do uso diário de aparelhos de vácuo mais injeções intracavernosas com trimix 2 vezes por semana acompanhado de uso contínuo sildenafila, resultaram em recuperação das ereções e do tamanho do pênis em cerca de 75% dos casos estudados em um período de 1 ano.


Cigarro e disfunção erétil

Uma pesquisa na Austrália publicada na revista médica Tobacco Control em cerca de 8.300 homens entre 16 a 59anos demonstrou que fumantes de mais de 20 cigarros ao dia tem uma chance de 40% de ficar impotentes comparados com não fumantes. Também aqueles que fumam até 20 cigarros ao dia a chance de disfunção erétil chega a 25%. Os pesquisadores concluíram que o estudo demonstrou uma forte evidencia de desenvolvimento de disfunção erétil e o uso de cigarros, o que pode motivar homens mais jovens a abandonarem este vício.


Veneno de aranha para o tratamento da disfunção erétil

A ação do veneno de determinadas espécies de aranha podem causar ereções prolongadas no homem e já está sendo estudada uma maneira de utilizá-lo no tratamento da impotência sexual. Observações anteriores demonstraram que o veneno de três tipos de aranha – a Viúva negra (Latrodectus mactans), a Armadeira (Phoneutria nigriventer) encontradas na América latina e a Atrax encontrada na Austrália – provocam sistematicamente dor generalizada, taquicardia, sudorese e uma ereção prolongada.

A toxina responsável é a Tx2-6, tendo sido isolada pelos pesquisadores e injetada em ratos para análise dos efeitos colaterais. O veneno age no sistema nervoso central e pode ser mortal mas tem antídotos, e por isso seria possível utilizá-la em pequenas doses com fins terapêuticos. Estudo estão se desenvolvendo no Chile, Brasil, Israel e EstadosUnidos.


Procedimentos endo urológicos podem causar disfunção sexual

Tratamentos endourológicos para retirada de cálculos urinários como ureteroscopia, cirurgia percutânea ou cirurgia intra-renal retrógrada, podem causar disfunções sexuais transitórias.

Esta observação foi feita por um grupo de investigadores israelenses em um estudo prospectivo em 50 homens usando o Índice Internacional da Função Erétil um dia antes, duas e três semanas após o procedimento. Em sessenta e seis por cento dos casos houve a colocação de um cateter duplo “J”. Constatou- se uma diminuição estatisticamente significativa da função erétil, satisfação com a relação, função orgástica, desejo sexual e satisfação geral. Estas disfunções não estavam relacionadas com doenças crônicas, idade, tipo do procedimento e tempo de cirurgia. As queixas foram mais pronunciadas no grupo de pacientes que permaneceram com cateter no pós-operatório. Padrão sexual normal retornou ao normal três meses após o tratamento.


Insatisfação sexual: Um assunto Mundial

Sexo é um assunto essencial na vida de homens e mulheres ao redor do mundo, de acordo com as conclusões de uma extensa pesquisa realizada em 27 países e apresentada recentemente no Congresso Europeu de Urologia em Berlim na Alemanha.

Foi observado que uma quantidade significativa de homens e mulheres não estava completamente feliz com seu cotidiano sexual. Uma grande parte dos homens relatou pouca satisfação com a rigidez de seu pênis e isto foi associado diretamente com comprometimento da qualidade de vida sexual. A vasta maioria dos homens considerou a atração pela parceira como um elemento muito importante no relacionamento. Aproximadamente metade dos pesquisados tinham 40 anos ou menos, 41% estavam entre 40 a 59 anos, e 11% tinham 60 anosou mais.


Fonte: CIESMA